Como abrir uma cerveja alemã

Ainda que você saiba bem pouco sobre a Alemanha, você certamente sabe da cerveja, a Alemanha é conhecida pelas suas cervejas. E uma diferença básica do Brasil é que aqui cerveja em lata praticamente não existe. Comprando num bar ou biergarten, a cerveja vem normalmente da tap (máquina, torneira, sei lá se tem um nome específico). Em mercados e supermercados, vende-se sempre em garrafas de meio litro.

A idade a partir da qual você consegue comprar álcool varia para o tipo de bebida. Cerveja e vinho – ou outras bebidas alcoólicas mais simples podem ser consumidas a partir dos 14 anos em presença dos pais ou responsáveis, ou a partir dos 16 anos sem a presença de pais ou responsáveis. Já bebidas mais fortes como whisky, vodka, etc, só podem ser consumidas a partir dos 18 anos. Em supermercados é pouco provável que você consiga comprar bebidas alcoólicas sendo menor de idade. Para facilitar para o caixa, ao passar uma bebida alcoólica pelo leitor de código de barras, o barulhinho que a máquina faz é diferente daquele feito para outros produtos, para lembrar o caixa de verificar se a pessoa fazendo a compra tem a idade mínima. Mas, claro, nunca é completamente impossível.

Como no Brasil, beber álcool na rua não é proibido – muito pelo contrário, é bem comum. E uma coisa bem típica para jovens é comprar cervejas e beber no parque ou na rua em points da cidade onde os estudantes se reúnem com freqüência quintas, sextas e sábados a noite. Aqui em Dresden, ainda não descobri se é algo típico daqui ou comum em outras cidades também, mas na Neustadt – o bairro “alternativo” da cidade, onde os bares estão, e consequentemente os jovens – tem muitas lojinhas de bebida, as chamadas Spätshop. Spät significa “tarde” (não tarde de o período do dia após o meio dia e antes do anoitecer, mas tarde o contrário de cedo), portanto um Spätshop é, a princípio, simplesmente uma loja que fica aberta até tarde. E o objetivo dessas lojinhas é justamente vender álcool para jovens à noite – uma vez que todos os supermercados fecham às 22h e não abrem de domingo.

E aí talvez tendo lido o título desse post tenha lhe ocorrido agora: mas puxa, se eles só compram cerveja em garrafa em lojinhas de rua para beber na rua… como que eles abrem as garrafas? Todo mundo anda com um abridor de garrafa no bolso?

Pois então, esse é na realidade o tópico desse post. Como abrir cervejas alemãs.

Os alemães freqüentemente bebem cerveja de garrafa em situações em que não há um abridor de garrafa em mãos, e por tal motivo acabaram por desenvolver diversas técnicas para abrir garrafas de cerveja. Morando na Alemanha você certamente presenciará garrafas de cerveja (ou outras bebidas vendidas em garrafas de vidro) sendo abertas em uma das maneiras ilustradas a seguir, ou similares…

1. Usar uma garrafa para abrir a outra.IMG_1829

Possivelmente a técnica mais comumente usada para abrir uma garrafa de cerveja é usar uma segunda garrafa como abridor. Funciona bem porque a tampa é de metal – bem resistente – e, claro, a garrafa é comprida e portanto fácil de segurar e usar como alavanca. Só tome cuidado para não abrir a garrafa errada (a que está de cabeça para baixo)! Outra coisa que pode acontecer, caso você ainda seja amador na ciência de abrir cervejas, é quebrar ligeiramente a boca da garrafa aberta… e perder os estilhaços de vidro dentro da cerveja!

E, claro, ainda que você seja super expert em abrir garrafas com outras garrafas, o fato é que a última garrafa da turma terá que ser aberta de outra maneira.

2. Abrir na borda de alguma coisa.IMG_1823

Uma opção fácil é encontrar uma borda – um banco, uma lixeira, qualquer coisa com uma borda – e usá-la para segurar a tampa enquanto você empurra a garrafa para baixo. Diferente da foto, a borda ideal é de metal, e não madeira.

3. Abrir com uma chaveIMG_1828IMG_1826

Algo que todo mundo tem no bolso, facilmente disponível, é uma chave. E pela sua boa resistência, pode ser usada de diferentes maneiras para abrir uma garrafa. Claro, é muito menos conveniente pelo seu tamanho pequeno e formato difícil de manusear.

4. Abrir com o celularIMG_1831

Pode parecer uma alternativa não muito esperta, mas já presenciei alemães usando iPhones para abrir garrafas. Mas sim, eu concordo com o que você está pensando, se for pra usar o iPhone melhor simplesmente comprar um chaveiro abridor de garrafas.

5. Com algum objeto qualquer que você tenha à disposição no momento.IMG_1825IMG_1824

Com habilidade, qualquer coisa funciona.

Uma outra alternativa muito comum é abrir garrafa com um isqueiro, um objeto também frequentemente carregado em bolsos e bolsas. Mas esse não tínhamos em mãos, por isso faltou a foto.

E, finalmente, uma possibilidade em último caso é tentar abrir a garrafa com o dente. Tem quem consiga. Não recomendo.

Mas a conclusão é que basicamente qualquer coisa serve. Menos abridores de garrafa. Acho que é meio que uma questão de honra para os alemães saber abrir garrafas de maneiras menos habituais.


(Publicado em 31 de Julho de 2014)

 

Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s